Como escolher um seguro ou plano de saúde?

24 de julho de 2017

Dicas, Seguro

Existe uma busca intensa por preços de planos ou seguros saúde, seja por novos consumidores ou para quem está precisando reduzir custo com esses convênios.  A grande dificuldade da maioria, no entanto, é em buscar um plano de saúde que atenda às suas necessidades.

Nós, da bemseguro.com.vc, elaboramos uma cartilha para auxiliar pessoas e empresas nessa escolha. 

Vamos lá:

#1 Tipos de plano ou seguro saúde:

Existem duas opções de plano ou seguro saúde: individual ou familiar e coletivo.

  • Individual ou familiar: Você terá que negociar diretamente com a operadora ou através de um intermediário como, por exemplo, corretor de seguros. Nem todas têm esses planos disponíveis e as opções são poucas.

 

  • Coletivo: Dentre desse grupo, existem duas opções: coletivo por adesão ou empresarial (grandes, médias e pequenas empresas)
    • Coletivo por adesão – é um tipo específico para quem pertence a uma coletividade como CREA, OAB e outras associações de classe profissional, sindicatos, conselhos, etc.. Informe ao seu corretor a sua profissão para que ele possa verificar se existe algum produto disponível para você e sua família.
    • Empresarial – São os planos oferecidos aos sócios e colaboradores de uma empresa. Estes planos podem ser contributários – em que você participa do custeio do plano – ou não-contributário – somente a empresa custeia o plano. É possível contratar um plano de saúde para pequena e média empresa (PME) a partir de duas vidas e, para isso, entre outros documentos é necessário ter um CNPJ ativo.

 

#2 Tipos de coberturas e padrão de atendimento:

  • Hospitalar – tem somente direito a internação hospitalar. Poucas empresas oferecem essa opção.
  • Ambulatorial + Hospitalar – direito a consultas, exames, tratamentos e internação hospitalar.
  • Quarto Coletivo ou Enfermaria – Ficará em ambiente com outras pessoas, obedecendo às regras de acompanhante para este tipo de internação.
  • Quarto Privativo ou Individual – Internação em quarto particular podendo ou não ter acompanhante.

 

#3 Abrangência geográfica:

  • Regional – somente em determinadas cidades e/ou estados
  • Nacional – Todo o território nacional
  • Internacional – Além do território nacional, pode cobrir despesas internacionais para quem está em outro país.

 

#4 Coparticipação:

  • O custo mensal é mais barato desse tipo de plano de saúde, pois, ao realizar consultas e exames, você contribui com uma pequena parte do valor – que é chamada de coparticipação.
  • Esta modalidade é bem interessante para as pessoas que não costumam utilizar muito o plano ou o seguro saúde para consultas e exames, pois reduzem significativamente o custo do convênio.
  • Para as empresas, pode ser muito interessante como forma de redução dos gastos com plano ou seguro saúde.

 

#5 Precificação e reajustes:

  • Os preços dos planos e seguros saúde dependem das opções escolhidas nos itens acima e também da idade das pessoas que participarão do plano. A idade é o principal componente de custo de um plano, ou seja, quanto maior a idade, maior o custo. A partir dos 59 anos, o custo aumenta bastante!
  • Então, se a opção escolhida for do tipo individual ou familiar, você deverá enviar a data de nascimento das pessoas, tipo de acomodação e abrangência geográfica.
  • Se for coletivo por adesão, além dos dados acima, informe também a profissão ou a categoria profissional.
  • Caso seja um plano ou seguro saúde PME ou Empresarial, além dos dados pessoais das pessoas que farão parte do plano, o CNPJ da empresa, também será levado em conta o cargo do funcionários e/ou relação de cada pessoa com a empresa/funcionário. Normalmente, fornecemos para nossos clientes uma planilha para preenchimento das informações.
  • Os reajustes dos planos individuais têm que observar o reajuste autorizado pela ANS, que normalmente ocorre em maio.
  • Os planos PME serão definidos pela operadora ou seguradora. Normalmente, não é inferior a 12 meses e será único para as empresas da carteira da seguradora ou operadora, dependendo do número de funcionários.
  • Planos Coletivo por Adesão nos últimos anos estão sofrendo reajustes maiores que os planos PME.
  • No caso de planos de saúde empresarial (acima de 100 vidas), tanto a precificação como o reajuste consideram os dados das pessoas de cada negócio, ou seja, é customizado por empresa.

 

#6 Rede Credenciada de atendimento:

  • A rede coberta pelo plano vai depender da operadora e de fatores como abrangência e o tipo de plano. É importante avaliar os hospitais e clínicas da rede credenciada e se isso irá atender às suas necessidades. Normalmente, essa lista é enviada juntamente com a cotação do plano de saúde.

#7 Carências:

  • É o período de tempo de espera para poder ser atendido pelo plano de saúde.
  • A carência é, normalmente, de 24 horas para casos de urgência e emergência, 30 dias para consultas e exames simples, 300 dias para partos, 24 meses para doenças pré-existentes e 180 dias para demais situações.
  • Essas carências podem ser analisadas, caso o cliente já possua outro plano de saúde. É a chamada portabilidade ou compra de carência.
  • Empresas com mais de 30 vidas estão isentas de carência na entrada.

 

#8 Reembolso:

  • Quando o cliente escolhe o prestador de serviço que não pertence à rede credenciada da seguradora ou operadora, ele paga a consulta e a seguradora reembolsa de acordo com o plano ou seguro escolhido.
  • No caso de seguro saúde, o reembolso das despesas médico-hospitalares é sempre possível, enquanto que, no plano de saúde, o direito ao reembolso é valido somente para alguns planos ou modalidades.

 

#9 Demitidos e aposentados:

  • O aposentado ou o ex-empregado demitido sem justa causa que tenha contribuído para o plano ou seguro saúde tem o direito de manter as mesmas condições de cobertura que tinha enquanto seu contrato de trabalho estava valendo, porém o custo do plano passa ser totalmente dele.
  • O período em que esse ex-empregado ou aposentado poderá continuar com o seguro saúde ou plano de saúde vai depender do tempo em que permaneceu na empresa.

 

#10 Documentação:

  • Existe uma relação de documentos que são solicitados no momento da celebração do contrato. Dentre eles, destacamos:
  • Cópia do contrato social registrado no órgão, no caso de empresas ou declaração de autenticidade no caso de MEI;
  • Cópia do RG e CPF dos responsáveis pelo contrato;
  • Cópia do comprovante do endereço da empresa;
  • Para inclusão dos funcionários (deve abranger todos os empregados): Comprovação do vínculo profissional com a empresa e cópia do CPF e RG, cartão do SUS e endereço.
  • Para inclusão de dependentes: cópia de certidão de casamento ou declaração de união estável, cópia de CPF e RG ou certidão de nascimento para filhos.
  • A maioria das empresas não permite incluir outros que não sejam esposa, companheiro(a) ou filhos.

Além dessa cartilha, nós da bemseguro.com.vc, aconselhamos acessar o site da Agência Nacional da Saúde (ANS): http://www.ans.gov.br/planos-de-saude-e-operadoras/espaco-do-consumidor. Verifique também o site http://planodesaudeoquesaber.com.br da Federação Nacional de Saúde Suplementar (Fenasaude).  

Então, esperamos que tenha aproveitado bem essas informações. Ficamos à disposição para esclarecer qualquer dúvida. Pode entrar em contato conosco

Equipe bemseguro.com.vc

bemsegurocomvc

A bemseguro.com.vc é o resultado do sonho de um grupo de executivos do mercado segurador. Desenvolvemos um ambiente cooperativo e meritocrático, privilegiando o cliente ao negócio. Para nós, o cliente deve ser perene e recorrente, gostamos de construir relações de longo prazo.


Join the Discussion