Dúvidas sobre aposentadoria? Solucionamos 4 questões para você!

7 de março de 2018

Seguro

Em razão da Reforma da Previdência e de sua repercussão, muitas dúvidas estão surgindo entre trabalhadores e empregadores, principalmente no que diz respeito ao fato de que a aposentadoria pode estar com os dias contados.

Segundo o site da Previdência, essa reforma é necessária para que seja possível cumprir com os pagamentos dos aposentados brasileiros. No entanto, ainda há questionamentos sobre ela prejudicar os mais frágeis — no caso, os trabalhadores.

Pensando nisso, reunimos neste post as 4 principais dúvidas sobre aposentadoria. Acompanhe:

1. Novos critérios de idade

Basicamente, existem três formas para solicitar a aposentadoria: por tempo de contribuição, por idade e pelo fator 85/95. Pelo tempo de contribuição, as mulheres já podem se aposentar com 30 anos de pagamento do INSS, e os homens, com 35 anos. Já quanto à idade, era necessário ter 60 anos, no mínimo, para as mulheres e 65 para os homens.

O fator 85/95, por sua vez, considera o tempo de contribuição e a idade do trabalhador. Por exemplo, se uma mulher tem 50 anos e contribui com a Previdência por 35 anos, sua somatória de pontos será de 85. A mesma regra vale para os homens, porém, mas sua soma deve ser de 95 pontos.

Com os novos critérios previstos na Reforma, no entanto, esse fator 85/95 não poderá mais ser usado por aqueles que não cumprirem com as condições mínimas, mesmo que já tenham contribuído pelo tempo mínimo. Além disso, a idade mínima para as mulheres se aposentarem por idade passa a ser de 62 anos.

As dúvidas sobre aposentadoria ainda atingem aqueles que já se aposentaram, mas, nesse caso, as regras não serão alteradas. Somente estarão submetidos às novas previsões aqueles que entrarem com a solicitação de aposentadoria após a aprovação da Reforma.

2. Aposentadoria especial

Outra das dúvidas sobre aposentadoria diz respeito a se ela está, ou não, com os dias contados. As outras modalidades não, mas o benefício especial, sim.

A aposentadoria especial, até então, é o proveito concedido para os trabalhadores que ficam expostos a agentes noviços, como ruído, calor ou produtos químicos em seu horário de trabalho. Para isso, é possível se aposentar com 15, 20 ou 25 anos de contribuição, prazo esse que depende do agente a que o empregado ficou exposto.

Entretanto, a reforma da Previdência está prevendo uma idade mínima para que esses trabalhadores possam se aposentar, o que elimina o benefício.

3. Expectativa de vida

Na tentativa de defender a Reforma da Previdência, o governo usa a expectativa de vida como resposta. No ano de 2017, o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) informou que ela aumentou três meses e 11 dias se comparada ao ano de 2016, que era de 75,8 anos.

Com essa expectativa de vida cada vez mais alta, segundo o governo, o tempo trabalhado e de contribuição também tende a aumentar, pois a população está vivendo mais.

4. Necessidade de reinvenção

De fato, com as dificuldades financeiras que todo o país tem passado nos últimos tempos, é preciso inovar, se planejar e descobrir novas possibilidades constantemente. Sendo assim, diante dessa Reforma da Previdência, os trabalhadores terão que se reinventar para avançar e cumprir com as obrigações previdenciárias — e para manter, ao menos, uma qualidade de vida mínima.

As dúvidas sobre aposentadoria têm assustado muitas pessoas, principalmente aqueles que ainda trabalham e contribuem com a previdência. No entanto, é preciso se informar e estar certo de quais são as alterações e quando elas entrarão em vigor, para que, assim, você não seja pego de surpresa.

Então, gostou do post? Agora, que tal assinar a nossa newsletter e receber em primeira mão nossas próximas novidades?

bemsegurocomvc

A bemseguro.com.vc é o resultado do sonho de um grupo de executivos do mercado segurador. Desenvolvemos um ambiente cooperativo e meritocrático, privilegiando o cliente ao negócio. Para nós, o cliente deve ser perene e recorrente, gostamos de construir relações de longo prazo.


Join the Discussion